Marinha do Brasil em MS abre vagas para profissionais de Administração

Marinha do Brasil em MS abre vagas para profissionais de Administração

Administrar é para profissional de Administração devidamente registrado e adimplente com o Conselho Regional de Administração de Mato Grosso do Sul (CRA-MS). E toda profissional de Administração, seja administrador ou tecnólogo, conta com oportunidades no dia a dia.

Para isso, a Marinha do Brasil abre inscrições para o processo seletivo. As oportunidades são para nível superior para prestação do Serviço Militar Voluntário de Oficiais Temporários (SMV-OF), nas Áreas de Apoio à Saúde, Técnica e de Engenharia.

O Processo oferece vagas para ambos os sexos, com mais de 18 (dezoito) anos de idade e no máximo 40 (quarenta) anos de idade, até 31 de dezembro do ano de sua incorporação, a fim de comporem as fileiras militares como Oficiais da Reserva de 2ª Classe da Marinha (RM2).

Em Ladário, o Comando do 6º Distrito Naval oferece vagas na área da Saúde, com habilitação profissional em Enfermagem (1) e Enfermagem com Especialização em Auditoria (1); Técnica, com habilitação profissional em Administração (2), Ciências Contábeis (2), Direito (2) e Psicologia (1); e Engenharia, com habilitação profissional em Engenharia Civil (2), Engenharia Cartográfica (2) e Engenharia Naval (1).

Os interessados devem entrar no site www.ingressonamarinha.mar.mil.br, clicar em “Serviço Militar Voluntário”, escolher o Distrito Naval para o qual desejam concorrer e acessar o link da sua inscrição e o respectivo Aviso de Convocação. A inscrição vai até o dia 31 de janeiro e a taxa é de R$ 130,00.

Profissional de Administração

Os profissionais de Administração devem estar devidamente registrados junto ao CRA-MS. Para saber detalhes sobre o registro, acesse http://crams.org.br/pessoa-fisica/ ou fale com o Departamento pelo fones (67) 3316-0300 ou WhatsApp: (67) 98478-1935. Caso seja graduado na área da Administração e não tenha o registro, é importante que o candidato a vaga providencie o mesmo junto ao CRA-MS.

(Com informações do site Folha MS)

Fechar Menu